31 de mar de 2013

Maiúsculo e minúsculo

Perseverança, com “P” maiúsculo...
Na Fé, com “F” maiúsculo...
Em um Deus, com “D” maiúsculo...
Que é Soberano, com “S” maiúsculo...
E Misericordioso, com “M” maiúsculo...
Para nos conceder um Cristo, com “C” maiúsculo...
Chamado Jesus, com “J” maiúsculo...
Que por Graça, com “G” maiúsculo...
Entregou-se na cruz por nós, com “n” minúsculo...


"Jonas"

Trechos retirados do edificante livro "Jonas: o missionário bem-sucedido que fracassou!", de Stuart Olyott (editado por Tiago Santos):

"... Ele (Jonas) não é um homem perfeito - como veremos. Ele está andando com Deus, mas não está caminhando o mais próximo de Deus que poderia. Mas o seu arrependimento é real, ainda que não seja perfeito. É importante entender essa distinção. Seu arrependimento é real, mesmo que ainda não seja perfeito. É como a obediência de qualquer cristão. Nossa obediência, se somos cristãos verdadeiros, é real, mas não é perfeita."

"... Deus ama palavras. Seu Filho é a Palavra. O seu livro é a sua Palavra. Existe a Palavra encarnada e a Palavra escrita. E a obra espiritual é realizada através de palavras."

Aprendizado piedoso 43

"Me conduz, me guia"
(Tradução da letra de Doris Akers, "Lead me, guide me")

Calar

Não quero me calar diante da insensatez do mundo...
Não quero me calar diante dos excessos e faltas da humanidade...
Não quero me calar frente à escassez de sentido no ser humano...
Não quero me calar perante a falsa afirmação de que a verdade é relativa...
Não quero me calar, como marido e pai...
Não quero me calar, como cristão peregrino...
Não quero me calar, como filho do Deus vivo e eterno...
Só poderei me calar de fato, quando estiver diante da Glória do Senhor Deus...
“Cala-te diante do Senhor Deus, porque o Dia do Senhor está perto” (Sofonias 1:7a)


Vida vivida

A humanidade precisa da justiça de Deus ? Ou da Sua inabalável soberania ?
A humanidade precisa da misericórdia de Deus ? Ou da Sua inalcançável sabedoria ?
A humanidade precisa da graça de Deus ? Ou do Seu incalculável amor ?
Quanto a mim, sei que preciso... 
Cada um, se olhar com um mínimo de honestidade para dentro de si mesmo, e também prestar atenção ao seu redor, precisa ser capaz de reconhecer a necessidade de Jesus Cristo.
Não estou falando de teologia... Estou falando de uma vivência cotidiana...
Não estou falando de um ensinamento... Estou falando de uma constatação...
Não estou falando de um conceito teórico... Estou falando de vida vivida...
“Ora, se já morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos” (Romanos 6:8).
Graças Te damos, Senhor, pela vida vivida contigo, pela Tua graça. Glória a Ti! Amém.

Link para o texto em PDF aqui.

"Não vos conformeis"

VINACC lança Carta exortando os cristãos a não se conformarem com este século:

21 de mar de 2013

Um de nós

Diz o refrão da canção: “E se Deus fosse um de nós?”

1 Deus

Números conhecidos para o universo observável:

“Os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras das suas mãos” (Salmos 19:1).
“porquanto o que de Deus se pode conhecer é manifesto entre eles, porque Deus lhes manifestou. Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas. Tais homens são, por isso, indesculpáveis” (Romanos 1:19-20).

Link para o texto em PDF aqui.

18 de mar de 2013

Sei que preciso

O que é a “graça” ?
Não entendo, na plenitude, mas sei que preciso dela.
O que é a “misericórdia” ?
Não entendo, na plenitude, nem consigo praticar na totalidade, mas sei que preciso dela.
O que é o “amor” ?
Não entendo, na plenitude, não consigo praticar na totalidade, nem tampouco imaginar completamente o seu extremo alcance, mas sei que preciso dele.
Senhor Jesus Cristo
Não consigo compreendê-lO na plenitude, nem tenho a pretensão de entender tudo sobre Ele, mas sei que preciso dEle em minha vida e quero conhecê-lO cada vez mais...
 

6 de mar de 2013

A queda "doeu"

A queda do "eu"... a queda "doeu"...

Entroncamento "madeiro"

Louvado seja o nosso Senhor Jesus Cristo...
Por frear o trem expresso “destruição”, que partiu da estação ferroviária “queda”, sendo puxado pela locomotiva “transgressão”, que tem propulsão garantida pela caldeira “desobediência”, alimentada pelo carvão “orgulho”. Este trem expresso anda nos trilhos “escravidão” da estrada de ferro “perdição”, que leva ao destino “desespero”.
Através do freio “graça”, o trem é parado praticamente em frente ao semáforo “arrependimento”, podendo descer do superlotado vagão “escuridão” o passageiro “criatura”, agora transformado no transeunte “justificado”, que carrega sua bagagem “gratidão”.
A forma que o Senhor usa para parar graciosamente este trem errante, frenético e desgovernado, é jogar-se nos trilhos, bem na frente do trem, que freia diante do entroncamento “madeiro”, pertencente à estação “calvário”, localizada na cidade “expiação”, que faz parte do território “redenção”.
Desta forma, o andarilho “cristão” que desceu do trem, é incentivado a correr a carreira já percorrida pelo treinador “nazareno”, calçando o sapato “evangelho”, vestindo o capacete “salvação”, o cinto “verdade”, a couraça “justiça”, e empunhando o escudo “fé”.
O ex-passageiro do trem, agora chamado “peregrino”, encontra um caminho “estreito”, vinculado à rodovia “santificação”, que é pavimentada com pedra “angular”, para levar ao destino “eternidade”.
Graças ao nosso Senhor e Salvador, por esta misericórdia ferroviária alcançada no entroncamento “madeiro”.
Glória a Ti, Senhor!


5 de mar de 2013

Aprendizado piedoso 42

"Jesus me conduziu por todo o caminho"
(Tradução da letra de John W. Peterson, "Jesus Led Me All the Way", 1954)